13 de outubro de 2017

Crise na vida consagrada???

Tenho recebido muitas graças. Isso é fato. Creio em todas elas e sei de muitas não tenho consciência... porque Deus é prudente em não me revelar todos o seus mistérios...já que eles alimentam a minha busca pela Verdade a meu respeito.
Tenho sido tentada a olhar pra trás... a desejar outros caminhos.. isso causa dentro de mim rebeldia e aspereza...são momentos em que não penso muito pra falar e acabo ferindo pessoas...já que aqui dentro há tantas vozes , barulhos e coisas que não há muito espaço para a reflexão, compaixão e para o outro... tudo sai porque excede ...sem muito controle. Isso é lamentável e sem justificativa.
Na oração falta-me coragem de enfrentamento. Decisão e renúncia de mim mesma... lutando com o meu comodismo ...sem força esqueço de que a vida consagrada a Jesus é de escolha e pressupõe a luta.
Tudo parece se levantar fantasiado de desejos e sonhos antigos e sem purificação alguma...no trabalho, no matrimônio, pessoalmente, nos relacionamentos, na vida espiritual, aff. O que é isso tudo num tempo de tanta graça? Senão um desejo de Deus em lutar comigo de forma desigual porque me conhece e move LITERALMENTE o mundo por mim para que eu seja SEMPRE sua!!! E deixe de me importar com que os outros pensam de mim... e deixe que o Seu Amor vá me convencendo de que Ele me basta e nada do que eu faça  ou deseje muda o fato de que Ele me possui...mesmo nesses momentos tão difíceis!
Meu senso de responsabilidade me faz rezar pelos outros... não quer perder nenhuma das ovelhas que Deus me confiou... mas a mesma coragem que tenho para rezar  por eles não se repete comigo... quando vacilo na escolha, deixando me tomar pela dúvida ou dando brecha para a sedução da minha carne  vou experimentando o peso da cruz, como se minha alma não necessitasse dela para repouso...
Vou indo para esse Retiro sobre A CRISE NA VIDA CONSAGRADA...sei que lá vou identificar a minha... mas minha carne rejeita, e não quer ir... não que deixar-se vencer pelas escolhas de Deus ... Eu escolhi passar meu aniversário com amigos em um sitio, na piscina...bolo, diversão, e principalmente descanso  e ausência de compromisso...Ele quer me levar para um sitio sim, mas pra ficar em silêncio, quieta, com irmãos forjando a vida comunitária sem o excessos que desejei... e imaginei... ahhhhhhhhh minha carne grita...
Vou compreendendo que  a Virgem Maria essa semana quis me colocar debaixo do manto dela e me ensinar a ser uma boa filha... e ela mesmo vai me dizer e ensinar e dar o que eu preciso....eu como filha rebelde que sou vou titubeando....mas vou... pois temo o meu Deus e vou percebendo que os meus mais íntimos desejos e promessas proferidas nos momentos mais decisivos da minha vida vão se concretizando por força e graça Divina...vencendo a minha vontade... porque desejei primeiro fazer a Vontade Dele.
Nada concreto sobre meu trabalho. Bendito seja Deus.
Nada concreto sobre meu Aniversário. Bendito seja Deus.
Nada concreto em nenhuma área da minha vida! Bendito seja Deus.
Porque só assim tenho a certeza que não sou conduzida por mim mesma... que Deus vai me configurando a Ele à duras penas.
Amanhã rezem por mim, pelo meu aniversário.
Amo vocês e precisei de muita violência para dobrar o orgulho de não ser uma Pastora forte e santa como vocês merecem... mas há em mim um desejo imenso nisso tudo. E creio que o Senhor recompensa o esforço da busca.
Até semana que vem.

Amanhã a noite talvez celebrem meu aniversário lá se houver espaço na programação do retiro. Quem sabe???

pirando o cebeção...

escrever é preciso.
tem coisas que só sai da gente assim.

tempo de tantas graças e bençãos e que a humanidade grita.

aqui dentro crises e confusão...tempo de reflexão amadurecimento, crescer dói...envelhceer também.
olhar pra trás ter uma história significativa é tão surreal...

hoje vamos iniciar um tríduo de crise, e sofrimento, como uma lagarta que entra no casulo e espera a dor ser tratada,,,

união das vontades: desejo e repugnação intesamente opostos se degladeiam aqui.

a aversão é regra grita a ponto de forjar não incomodo das letras minúsculas de inicio...

quero praia, festa e bolo e fujo assumir  
o esquecimento e solidão missionário diante dos meus
na violência em acolher a novidade, os novos e a alegria certa da promessa

ah! ate´surpresas tô aceitando...

com tudo fora do lugar vou me submetendo ao novo constantemente... causando inseguranças e naturalmente agressividade... afff

ah, não quero nada...desejando tudo
flores, bolo, presente, pessoas, família...

inconstância e bipolaridade 


vamos la... que Aparecida venha unir minha cabeça e coração ao resto do corpo numa unica vontade de unir o ser e o ter numa que seja mais aceitável que eu...


40 anos
quem sou eu?
quem és Tú? 

25 de setembro de 2017

Sobre essa mensagem

O Relativismo é o tema central dessa mensagem. Tudo depende... uma Verdade para ser verdade precisa ser absoluta. Se não é absoluta então não é verdade...mas um conceito...

Perdão. 

Não sou chamada a ser indiferente ao outro. Sou chamada a amar, a dar atenção, a me dar ao outro independente do que ele me dá... sou chamada a perdoar, a procurar, a não medir esforços pelo outro porque muito foi me dado de graça e de graça sou chamada a distribuir... penso que o Criador é quem decide quem entra na minha vida e por isso mesmo não posso definir quem e quando sai... se fosse assim muita gente teria permanecido vivo aqui do meu lado... já que também acredito que tudo o que vivo está sob o senhorio d'Ele na minha liberdade de crer.

Pra mim a Verdade não dói  mas liberta! Deixa-nos livres pra pensar e agir... não aprisiona os mais queridos próximos à mim... isso seria egocentrismo... só o que eu gosto e quem eu decidi fica por perto... então seria Deus de mim mesma...

Na minha história tenho feito a experiência de valorizar quem não me valoriza... de ir até aquele que nada pode me dar em troca nem se quer um afeto... esse amor desinteressado me faz feliz... porque O descubro maior que eu... 

Não é  fácil, confesso! Sinto falta dos que viveram ao meu lado experiências maravilhosas e que fazem parte da minha história... sinto falta daqueles que creem no mesmo que eu, que gostam das mesmas coisas... etc... mas me vejo livre de verdade junto aqueles que nada podem pode me oferecer... me empobrecem dos elogios e reconhecimentos  e necessidades de auto afirmação que não me levarão onde quero ir...

Se fosse assim já teria a minha recompensa aqui e não é isso que sonho para mim.

Tempo de falar

Há muitas palavras
Há muitos sons
Hora de expor
Hora da partilha
Pra consolidar...
Organizar
Pensar de novo.

Vejo imaturidade pelo ar.
Receio de ser.
Crises éticas, morais, espirituais e emocionais veladas matando mais que a guerra.

Hoje começo com relativismo...
Onde TUDO DEPENDE...
Onde a flexibilidade é  negativa porque cede e se omite totalmente sob o massacre ideológico.

Se existe respeito deveria poder se dizer o que se pensa livremente e não se fazer calar diante a ditadura das "novas verdades"...

Hoje não posso ser branca
Não posso ser hetero
Não posso ser cristã
Não posso ser religiosa
Não posso expressar parte de quem eu sou
Agora sou eu que recebi o troco
Que sou escravizada, amordaçada...
Ah liberdade! Liberdade.

A libertinagem te venceu!
E em nome do politicamente correto "tudo pode"... ser quem quiser...

Ficar pra sempre num personagem criado na sua imaginação... com.relacionamentos rasos e afetos sendo cultivados de na medida que eu quero e até onde eu estou feliz...

As pessoas se agregam e se aproximam somente daquilo e daqueles que não se opõe, que se pensa igual, que se faz o mesmo, que gostam das mesmas coisas... 

Como se aprende sem o oposto?!
Alguém pode me explicar com conceitos psicológicos e educacionais convincentes...

Na minha estante não achei!
Tô cansada de manter 'me só a observar... aqui é  meu... então posso falar.

2 de abril de 2016

Pensar

Verbo transitivo
Transitório, presente.
Perene
Impulsivo, voluptuoso
Volumoso
Que sai
Vai
Quando vem aqui e
Se depõe
Se entrega
Esvai

Sem onerar culpa
Mas co-dependente da emoção
Comoção?!

23 de março de 2016

Dia dela

🎈2016!☺
Hoje inspiradas pela sabedoria das árvores... testemunhas do Tempo...

Talvez o tempo que você vive hoje esteja encoberto por cascas que o próprio cotidiano foi permitindo como defesa...  dos ventos... geadas... altas temperaturas...tempestades...

Mas se o tempo permitiu tantas investidas ele mesmo revela um cuidado...um zelo...um Amor...para que um novo tempo se revele... Afinal o ciclo só é interrompido quando a seiva já não pulsa...não alimenta...

É fato que durante as tempestades fica difícil perceber o pulsar... a alimentação quase mecânica. Até porque as raízes parecem longe da copa e são elas as responsáveis pela manutenção de vida. As folhas podem cair. Os galhos quebrarem. Os frutos demorarem a serem percebidos. Mas, enquanto a raiz é  alimentada há vida pulsante. E em nada desabonam ou  apagam da memória de seus anéis,  os inúmeros entardeceres repletos de flores e frutos. Os golpes que marcaram seu caule e a fizeram mais forte. As inúmeras revoadas de pássaros que se aninharam e se alimentaram.As inúmeras vezes que os ventos a fizeram curvar-se ao chão para que se estabelecesse novos limites para que reconhecesse as alturas às quais chegastes...

A aparente solidão e frieza dos Outonos lhe são conhecidos e caros, não lhe roubem as primaveras deste ano. Não se deixe abater, há quem dependa de tua proteção pois usufruem de teu caule como abrigo e alimento. Como hospedeiras. Há quem cresça perto de ti esperando suas sombras no verão, como intercessora junto a luz.  Há quem deseja pousar em seus galhos para descansar das longas distâncias a serem percorridas. Há botânicos que a admiram, cuidam, podam, celebram seus ciclos ao seu redor em festa, cheios de gratidão,  sempre que os outonos se aproximam,  para amenizar as investidas do tempo. Há sempre um Sol, que por vezes encoberto pelas nuvens faz-se perceber singelamente em seus raios para que te recorde sua essência, sua seiva,  cujos nutrientes necessários para cada tempo somente o Sol pode te dar.

Ai está o tempo:

Tempo de agradecer o que foi vivido neste último ano e projetar o futuro como se hoje fosse o último dia pra ser feliz...😄

Respire fundo! Oxigene-se e deixe brotar dentro de si a gratidão pelos anéis da tua história.

A vida é um dom gratuito e nos dá tudo de bom à medida que ofertamos aos outros o melhor de nós! Ainda que não se de conta do que se dá...Afinal, alguns se aproximam para levar frutos para se alimentar, outros  folhas para brincar, outros galhos para pescar e outros cascas para decoração.

Hoje,  louvo e bendigo à  Deus  por esse presente que é  a sua  vida frondosa na minha....

Que do céu continue sendo derramado muitas surpresas, gotículas de nutrientes em forma de graças. 😇

Carpem Diem e delicie-se com os pequenos gestos de amor por ocasião do seu ANIVERSÁRIO. Permita-se contemplar a celebração ao seu redor. São esses presentes que marcam a nossa história. 🌹

Te amo!

Parabéns!🎂
Shalom!

9 de março de 2016

Ben

Te desejei tanto e aos pés de JP II deixei meu pedido...em alguns meses o milagre estava para se concretizar diante dos  meus olhos...

Sua espera foi feliz e a ansiedade para conhecer  o seu  rostinho era imensa...

A cada notícia de contração  da sua mãe o coração acelerava e mais uma oração  se iniciava...

Mas algo indescritível  aconteceu dentro  de mim quando te segurei a primeira vez... soube  ali que meus dias não seriam os mesmos...

Acompanhar seus primeiros momentos  em TUDO  transformou meus dias e minhas  sextas-feiras passaram a ser desejadas ansiosamente...

Hoje contemplando seus primeiros passos, ouvindo o som da sua  voz nas primeiras palavras, observar o seu olhar quando reconhece o colo e estica as mãozinhas para  se dar ...

É uma perpetuação da felicidade que vou experimentando desde o primeiro dia 11 ao teu lado...

É  um pedacinho do CÉU... suas descobertas, seu sorriso, sua manha  revelam  muitas vezes a minha pequenez diante de Deus... e sinto Ele bem perto de mim amando e me colocando no meu  lugar...

Oh Ben amado...Louvei à Deus hoje muitas vezes por  experimentar essa alegria da tua vida na minha vida!  Que Ele  mesmo cuide de te fazer crescer em sabedoria e graça.

Te amo! E vou assumir minha rendição a tudo que você quiser aprender e eu  puder te ensinar!

Tia Dinda
#amosertia
#amoserdinda
#ser tia é ter um filho na barriga da sua irma...

Voz de Deus

Sobre o tempo que foi anunciado com o discernimento.

Senhor, quero e desejo acolher...
Sua voz!
Sua pedagogia!

Não há em mim raiva,
Nem revolta,
Nem resistência...

Mas, um sentimento
De que há algo fora do lugar...
Há um incômodo.

Não sei o que quer conosco!

O novo não me assusta porque sei do seu cuidado e carinho...

Mas...olhando para Teus sinais neste tempo
A Sua condução comigo...
Com  ele...

Parece-me que há algo fora do lugar.
Meu coração está inquieto.

Diante das propostas que fizeste para nós como comunidade,  como célula,  o fio de ouro,  o retiro de célula, a reciclagem, cada um dos pilares da vocação... Tu transformastes nosso eu, nosso matrimônio,  nossa forma de ver e enxergar a vocação,  seus feitos...

Vivemos TUDO intensamente, cada um com suas lutas. 

Mas eu vi ele crescer mais...
Eu vi ele ceder mais para Ti...
Eu vi ele ser moldado na Sua Vontade em tudo...
Na obediência,
Na pobreza,
Na castidade, absurdamente!!!
Na vivência diária de Eucaristia,
Na oferta do  ministério...
Na disposição do coração para viver tudo o que você pediu...
Nós rezamos juntos!
Caminhamos juntos!
Crescemos juntos!

Não vivemos tempos dissociados.
Não vivemos nada em tempos diferentes.

Louvo a Ti por tudo!
E hoje peço a graça de acolher.
Porque foge a minha compreensão...
Caminhar dissociado ...
Precisarei aprender...

O que foi que ele não viveu?
O que foi que ele não cresceu?

O que foi que eu vivi, então?

Não houve verdade na minha vivência da vocação?
Na dele?

Houve, ao meu ver apenas uma postura verdadeira de deixar-se inteiramente nas mãos de Deus na voz da Comunidade...

Não houve um pedido para permanecer!

Houve um desejo de apontamentos do seu desenvolvimento pelo caminho,  de um olhar sensível da Comunidade para alguém que desejava ser conduzido...que desejava apontamentos concretos do seu crescimento ou não...

Senhor,
Longe de mim Te questionar!
Duvidar do seu Amor...
Da sua condução...

Só quero acolher.
Dá -me sabedoria para viver esse novo.
Dolorido pela minha incompreensão...
Socorre-me na angústia momentânea!
Quero ver logo o Teu sentido e a Tua obra em tudo isso...

Não conseguirei auxiliá-lo mais...
Nem ser auxiliada por ele na observância dos tempos vividos...
Pois viveremos tempos completamente diferentes. 
Caminharemos solitariamente nos tempos vocacionais...
Que difícil...

Sua voz...
Preciso ouvir Senhor !
Não quero duvidar do seu Amor...
da sua condução.

Preciso de ajuda para compreender esse tempo.





Um mês!

Ele está no céu!!!!

O sorriso, a amizade  e o caráter eram de alguém  que  nasceu pra viver a vida plenamente.

E ele viveu! 
Sem deixar nada pra depois. 
A vida é  um breve segundo.
Nos encontraremos em breve.
A diversão pra  você continua... nós é que  precisamos continuar aprendendo a viver  aqui.
Por hora, conhecer e conviver contigo foi um presente. Uma dádiva!
Bendito seja o Senhor do tempo que nos permitiu muitos encontros...sempre recheado de alegria....
Rogo por sua alma e pelo consolo da sua  família!

#luto #saudades

18 de fevereiro de 2016

Fui surpreendida!

O Amor foi renovado na essência.

Muito mais que percebê-los em maior quantidade nas atividades da Comumidade foi tocar e ser tocada por uma experiência concreta que estes fizeram com o Cristo pelo carisma.

Em tudo exalava o Shalom mais puro e singelo da JUVENTUDE da nossa missão... na beleza da decoração, no cuidado da exposição, na presença na Eucaristia, na escolha das canções, na profundidade da Ação de Graças... Afff

Tudo tão forte e tão verdadeiro...ao ponto de vencer a mesmice e a indiferença dos meus dias e do meu olhar. 

Fui tocada pelo Ressuscitado hoje...pude experimentar algo muito forte e surpreendentemente, jamais vivido antes, no tocante ao sentido de existência da vocação e saber que ela pulsa em mim... que eu também posso e hoje desejo como nunca me dar aos JOVENS...

Obrigada  PJJ por experimentar a graça da oferta do Ronaldo Pereira de maneira tão profunda...

Um frescor de eternidade  encheu meu coração e fizeram vazar os meus olhos ...

"Sim, eu quero a Tua Vontade, Senhor!"

9 de fevereiro de 2016

Amar é uma decisão.

Amo!
Mas hoje  é tão  diferente...
Olho  para  meus  passos:
E só  eu sei  quem deu  eles  por mim.
Não,  eu não seria  capaz !

Amo na decisão de não  desistir.

Mas, não sou eu de novo.
Os encontros são breves...
Há tanta intensidade...

Que não sinto...mas sei.
Eis um tempo  de  fazer memória...e escolher.
Porque só eu sei  que és o Dono dos  meus  dias...
Do que Sou...
E Quero  Ser...

Queria dormir na certeza  que a semente está  cuidada.

A pobreza que experimento é  real.
E de mim mesma...
Tudo que eu queria estar em Teu colo
E lavar minha alma entregando minhas contidas lágrimas...

Por hoje experimento um
Re-começar...
Re-viver

O Teu olhar alcançou minhas estranhas.
Fez jorrar um bálsamo de cura e esperança.
Ah...a esperança...

A gratidão pela escolha de descansar no irmão
Que na sua pequenez, se dá.
Porque não dá de si tão somente,
Mas de Ti!

Bendito sejas Tu, Senhor,
por fazer pesar sobre mim
uma experiência céu
Dos laços de escolhas
Definitivas...